Como Escrever E-Books e Conseguir Novos Leads?

Os E-Books ou livro digitais são poderosas ferramentas em uma estratégia de marketing e podem trazer diversas leads para o seu negócio. Entenda agora mesmo como escrevê-los!

Se você tem um blog, provavelmente um dos seus principais objetivos é conseguir leads, ou seja, pessoas que visitam sua página e deixam seus dados para contato (como telefone ou email) em troca de algum material ou informação.

Essas pessoas, obviamente, são clientes potenciais e você deve conquistá-los para que, de fato, eles façam uma compra.

Contudo, para utilizar essa técnica você deve começar pelo princípio: o primeiro a ser feito é pensar em maneira para que os visitantes do seu blog decidam te fornecer as informações deles.

Uma boa opção para isso é oferecer ebooks gratuitos que as pessoas possam baixar após preencher um pequeno formulário.

Para te ajudar, neste post vamos te mostrar 8 dicas para escrever livros digitais e conseguir mais leads. Vamos lá?

Antes de começar…O que é um livro digital?

Um livro digital, também conhecido como ebook, é um material, geralmente educativo, que podemos ler em computadores ou em dispositivos móveis, como tablets e smartphones. O formato deles pode ser em PDF ou Epub.

A grande diferença em relação a um blog post é que o conteúdo é mais extenso e mais completo, já que normalmente, o autor abrange os problemas e soluções de maneira mais aprofundada.

Já em comparação com um livro tradicional, a principal diferença é que o ebook é um material digital, e não impresso. Porém, também podem existir outras diferenças, como o fato de que a leitura de um livro digital normalmente é mais dinâmica e menos linear.

Quais são as vantagens dos livros digitais?

“- Os livros digitais apresentam inúmeras vantagens, tanto para os autores quanto para os leitores. Vejamos as principais:”

1. Pense na sua persona

A persona consiste em um personagem fictício que representa seu público-alvo. Ela deve possuir vários dados, como características pessoais, interesses, desejos, medos e muito mais.

Por exemplo: se você tem um blog sobre artesanato e manualidades, sua persona pode ser Joana, uma mulher de 43 anos, de classe média, que tem dois filhos e vende seus produtos em uma feira para complementar a renda da família.

Ela busca conteúdos que a ajudem a gastar menos para criar seus produtos e otimizar o tempo que ela demora na confecção de cada peça. Ela também quer saber quais são as novidades do mercado para inovar sempre, e deseja conseguir vender seus produtos para mais pessoas.

Dessa forma, quando você começar criar seu eBook, deve pensar no conteúdo que mais agradaria a Joana, o que possibilita que você elabore algo que, de fato, atrairá seu público-alvo e os convencerá a deixar os dados deles no seu blog.

2. Defina o tema do seu eBook

Para isso, você pode utilizar o KeyWord Planner. Essa ferramenta traz ideias de palavras-chave relacionadas ao tema que você está pesquisando e mostra quantas buscas mensais cada termo possui nos países e idiomas que você selecionar.

Se pensarmos no mesmo exemplo do ponto anterior, poderíamos colocar no KeyWord Planner o seguinte termo: “conselhos de artesanato”.

A própria ferramenta oferecerá algumas ideias, como “vender artesanato na internet” e “trabalhos manuais originais para vender”. Pensando no tema desse eBook, você poderia mostrar o passo a passo para vender artesanatos online ou mostrar ideias de trabalhos manuais originais para vender sem investir muito dinheiro.

3. Escolha um título chamativo

Isso é muito importante, porque muitas pessoas decidem baixar o eBook graças a um título que chame a atenção, desperte a curiosidade e prenda o leitor.

Utilizar números, usar perguntas e fazer promessas, por exemplo, são táticas que podem ajudar a chamar a atenção.

Pensando nisso, algumas opções seriam:

  • 50 manualidades originais para vender investindo pouco dinheiro
  • Como vender artesanato pela Internet?
  • O guia completo para iniciantes.

Estes são alguns exemplos.

4. Planeje seu conteúdo

Se você não tem um objetivo claro, pode ser que se perca na metade do caminho e não ofereça algo que seja de qualidade.

Além disso, você deve se assegurar de cumprir o que prometeu no título.

  • Por isso, antes de começar, planeje todo seu conteúdo:
  • Quais problemas você vai solucionar com seu livro?
  • Quantos capítulos terá e qual será o título de cada um?
  • Quais serão os subtítulos de cada capítulo?
  • Que texto e autores você utilizará como referência?

5. Busque boas imagens

Isso permitirá que o aspecto visual dele seja mais atrativo e que a leitura flua de maneira mais natural.

Para fazê-lo, você mesmo pode tirar as fotos: o lado bom dessa estratégia é que assim não é necessário pagar pelos direitos de imagem.

Outra opção é utilizar páginas que tenham imagens gratuitas, como Pixabay. Mas se você tem dinheiro para investir, pode comprar as fotos em sites como o ShutterStock.

6. Cuide do design do E-Book

O tamanho das letras, as cores utilizadas, a organização do conteúdo… tudo isso conta!

Se você não tem muitos conhecimentos sobre o assunto, considere contratar um designer profissional. Mas como já mencionamos aqui, é possível encontrar modelos e templates na Internet, que tornam mais fácil realizar esse trabalho.

7. Revise a gramática e a ortografia

Obviamente, você deve verificar se as informações estão corretas e se os dados que você incluiu não estão desatualizados, por exemplo. Mas além do conteúdo, também é preciso se preocupar com a gramática e com a ortografia.

Ninguém gosta de ler um texto cheio de erros, não é mesmo? Além de ser pouco profissional, pode interferir negativamente na leitura ou até mesmo parecer pedante.

Por isso, sempre releia seus textos com atenção. O próprio Word e o Google Docs apontam erros e sugerem mudanças nas redações. Outra dica que pode ajudar muito, é utilizar dicionários como o Aurélio!

8. Priorize a experiência do seu leitor

Para isso, é necessário levar em conta não apenas o conteúdo, mas principalmente, a facilidade de leitura do eBook.

Em relação a isso, existem vários elementos que devem ser observados:

  • Evite utilizar palavras muito complexas e rebuscadas.
  • Evite frases ou parágrafos muito extensos.
  • Inclua espaços entre os parágrafos para que a leitura não seja cansativa.
  • Assegure-se de que seus textos sejam escaneáveis.
  • Utilize subtítulos dentro dos capítulos.
  • Use imagens distintas ao longo do livro.
  • Inclua listas, curiosidades e outros conteúdos interessantes.
  • Mostre ao seu lead como você pode ajudá-lo.
  • Como nos blog posts, no eBook você também pode utilizar um Call to Action (chamada para ação), mesmo que de maneira sutil.

Os livros digitais permitem inserir links, e isso oferece a possibilidade de levar o seu leitor a realizar alguma ação, como fazer o download de outro material, ou até mesmo realizar uma compra.

“- Peça a opinião de outras pessoas”

Quando seu conteúdo já estiver pronto, uma boa estratégia é pedir a opinião de outras pessoas a respeito dele. Você pode solicitar esse favor às pessoas que trabalham com você e também a pessoas que não tenham conhecimento técnico do seu nicho de mercado, o que ajudará a avaliar a experiência delas ao ler seu eBook.

Isso também permitirá saber quais mudanças podem ser feitas para que o seu material seja o mais completo e agradável possível!

 

 

Gostou? Então, Compartilhe!
Facebook
Facebook
Google+
http://www.blog.midiasweb.com/como-escrever-e-books-e-conseguir-novos-leads/
Pinterest
LinkedIn